Brasil fez bonito nas Paraolimpiadas.

Atleta supera as dificuldades na pratica do esporte. (Foto Divulgação)

Com a medalha de ouro de Tito Sena, da classe T46 da maratona, no domingo (09.09.), o Brasil encerrou os Jogos Paraolímpicos de Londres com 21 medalhas de ouro, 14 de prata e oito de bronze, um total de 43 e na sétima posição do quadro geral de medalhas, sua melhor colocação na história.  O país ficou a dez medalhas de ouro e a 55 no total dos Estados Unidos, que ficaram em sexto, uma posição acima. A China foi o país que mais faturou, com 95 ouros e 231 no total. Muito mais do que a Rússia, segunda colocada, com 36 ouros e 102 no total. O desempenho brasileiro é melhor em ouros do que na última edição dos Jogos, em 2008, quando arrematou 16 douradas. Mas, no total, na edição chinesa o Brasil teve mais medalhas, com 47. Mas ficou em nono.  A natação foi uma das grandes responsáveis pelo bom desempenho brasileiro, com nove medalhas de ouro, todas oriunda de dois atletas. Daniel Dias, sozinho, conseguiu seis. André Brasil obteve outras três.  O Comitê Paraolímpico Brasileiro disse que o resultado era o esperado de acordo com as projeções. “A avaliação é a melhor possível, e atingimos nossos objetivos gerais. Conseguimos o sétimo lugar no quadro de medalhas e conquistamos 21 ouros, que também foi estabelecido pelo CPB”, falou o presidente da entidade, Andrews Parsons.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: